NÃO AO DIA DOS NAMORADOS

by 19:13 0 comentários

Bem, tenho muito a falar sobre o E – Ventre, mas, estou ainda muito emocionada quando me lembro do evento – está recente e eu não quero me ufanar. Portanto resolvi escrever sobre o Dia dos Namorados, ou melhor: o Não Dia dos Namorados.

Engraçada esta vida pois, sempre aparece algumas oportunidades de dar “curso especial” ou “coreografia para o Dia dos Namorados” e, ironicamente eu odeio isso. E sabe porque eu recuso todos ? Tenho uma visão muito particular sobre isso, não chega a ser tão radical quanto estas minhas amigas aqui, mas, achei engraçado!

Eu poderia ganhar bastante grana com a época, afinal, ser sensual, espontânea, falar de sexo e, uma “pitadinha de segredos” eu sou craque! Mas eu recuso todos!
Mas se dá dinheiro!! porque não?? Porque não trabalho no ramo da dança por dinheiro! Tenho meus princípios!
SIMPLESMENTE EU NÃO ACREDITO NO DIA DOS NAMORADOS! Acho uma data especificamente idiota e capitalista demais. O apelo ao amor sendo vendido por "blusas a partir de R$30 reais para esquentar seu amor", uma babaquice sem fim! Sim eu tenho princípios socialista, comunista, anti consumismo exacerbado contra o imperialismo americano e...(Deby desce do palanque cof cof)

Então voltando (rs..) acredito que, dia dos namorados é todo o dia, porque eu sou assim; parceira, estou lá sempre inventando mil maneiras de inovar com o bofe! Presenteando seja com palavras, sorrisos ou surpresas, alias adoro surpresas e não to falando de usar lingerie sexy, nem de fazer a posição 1826 do kama sutra (isso é obrigatório – kkkkk) é de dizer algo que não foi dito, levar café na cama, dar risadas (muitas! também obrigatório- kkkkk), comprar chocolate, deixar recadinho “safado” na carteira dele, mandar carta, comprar 2 entradas para ver o São Paulo jogar em uma quarta feira fria e passar no trabalho dele e dizer: vamos? Depois o "bate bola é comigo!" Rs... fazer doideiras!! Isso sim é presente alias no sentido literal da palavra: CURTIR O PRESENTE, – simplesmente ser livre para apreciar os momentos!! E não um especifico. E com muito orgulho digo: EU ODEIO O DIA DOS NAMORADOS! Diga se de passagem eu gosto da banda My Bloody Valentine e recomendo You Made Me Realise !

Deborah Macedo

A Bailarina Viajante

Apaixonada por viagens e bailarina de dança do ventre. Ama artes corporais e sempre inquieta! Já passou pelo pole dance e atualmente é apaixonada pelo Tecido Aéreo. Detesta peixe e ama culturas exoticas, experiencia desafiadoras e pimenta

0 comentários:

Postar um comentário